À DISPOSIÇÃO

Chega de encarar aquela prova de Português como um problema matemático de nível NASA! Existo para seu dispor. Contate-me.

domingo, 11 de abril de 2010

PROVA DA UERJ

Já se perguntou, ou já perguntou a alguém, o que frequentemente aparece na prova de Língua Portuguesa da Uerj? Certamente. Há muito no Edital, mas poucos se sentem animados para estudar todo aquele avassalador conteúdo. Estou certo?



Então chega de estudar todo o Edital do Exame de Qualificação e da prova de Português Instrumental (a não ser que você queira), porque se você se satisfizer com 80% da prova ou mais, aqui está (em itálico) o que mais interessa a você (para maiores informações, entre em contato comigo):



Tipologia textual e seus objetivos discursivos: descrição, narração, argumentação (dissertação), diálogo e instrução (injunção).

Organização interna do texto: fontes, recursos gráficos e tipográficos; paragrafação, títulos e subtítulos; imagens e legendas; formas de hipertexto; relação entre imagem e palavra; efeitos sonoros enunciação e relações dêiticas: quem enuncia, a quem enuncia, em que espaço e em que tempo; vozes ou perspectivas enunciativas (o ponto de vista do narrador, do personagem e de terceiros)

Procedimentos de coesão: coesão lexical e processos de designação; referenciação interna (anáfora e catáfora); referenciação externa; pronominalização; papel dos artigos definidos e indefinidos; elipse, repetição e substituição; paráfrase e paralelismo sintático; relações lógico-semânticas de sequenciação (advérbios, conjunções e preposições)

Procedimentos de coerência: condições linguísticas, socioculturais e interacionais de interpretabilidade dos textos; conhecimento de mundo e conhecimento prévio; compreensão pontual e global do texto; formas do implícito (inferência, pressuposição e subentendido)

Intertextualidade: efeitos de afirmação e de subversão de um texto pelo outro; reformulação, paródia, pastiche, citação, provérbio e discurso relatado.

O verbo e sua função na frase: emprego e sentido de tempos, modos e aspectos verbais

Figuras de estilo: metáfora e metonímia; personificação, hipérbole, pleonasmo e elipse

Relações semânticas: sinonímia e antonímia; hiperonímia e hiponímia; polissemia e ironia.

Organização interna do argumento: a opinião e o fato; modos de encadeamento de pontos de vista; articulação entre introdução e conclusão.

Métodos de argumentação: indução e dedução.

Procedimentos dialéticos: tese, antítese e síntese.

Avaliação de argumentos: pertinência e suficiência; validade e verdade; falácias e sofismas.

Recursos argumentativos: modalização, exemplificação, enumeração, contra-argumentação, comparação e generalização.

5 comentários:

  1. como faço para tirar dúvidas

    ResponderExcluir
  2. Vou fazer vestibular aqui emminas geais e o conteudo é justamente tudo isso. Mais faz muito tempo que fiz o ensino médio e não lembro demuita coisa, e essas palavras novas não sei sobre o que é. Onde posso estudar tudo isso, tem algumsite que explicasobre o conteúdo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI, te recomendo o seguinte site: www.soportugues.com.br
      É muito bom, muito explicativo.. Beijos

      Excluir
  3. Eu posso substituir a base no edital por isso?

    ResponderExcluir